2 years

Se passaram 2 anos, mas parece que foram 2 semanas, 2 dias, 2 segundos. A memória daquele dia está presa em mim. Sinto como se fosse ontem, o dia em que recebi a notícia. Aquilo me abalou de tal maneira que não soube como reagir, não soube o que fazer ou para onde correr, ou se devia correr.
O que sentia por dentro era uma dor muito profunda, uma incerteza, do que seria de mim dali em diante, o que fazer sem ti para me guiar, como deveria viver? Nunca tinha andado sozinho, e de repente fui obrigado a aprender, a me levantar e caminhar.
Foi tudo muito rápido, responsabilidades vieram, pesos foram adicionados as costas. Admito que cresci muito, aprendi muito, mas se pudesse escolher, claro, te traria de volta, daria tudo para ter você comigo de novo.
Penso muito em ti, todos os dias, penso no que faria se fosse diferente, se estivesse aqui para me ajudar a pensar, a agir. A me dizer palavras carinhosas, a me repreender quando fizesse algo de errado, a me abraçar quando estivesse triste.
As vezes me pergunto o porque de tudo isso ter acontecido, mas acho que nunca saberemos a resposta, talvez nem tenha uma resposta. Por mais doloroso que seja admitir, tenho que aceitar, tenho que seguir em frente, pois sei que é assim que deseja.
Toda a herança que deixaste, todos os ensinamentos, todas as palavras, me moldaram a ser quem sou, me ajudaram a crescer quando precisei e me ajudam a andar em linha reta, não me desviar dos meu sonhos, ser o melhor possível, para mim e para os outros. Se sou quem sou devo a ti, gostaria de ser metade do que foste, ter metade da sua força e determinação, para chegar tão longe quanto você chegou.
Seguir os seus passos me ajuda a andar, ver por onde você passaste e ir atrás, perseguir sempre com a cabeça levantada, obrigado por me mostrar isso, que a vida não acaba, que devemos continuar na estrada por mais duro que seja, por mais que alguns fiquem para trás, sempre nos acompanharão onde quer que estejamos.
É assim que sigo, te mantendo viva em mim, com as lembranças que tenho de ti, assim você é imortal em mim, nunca vou te esquecer, nunca deixarei você morrer, nunca mais te perderei, nunca mais perderei ninguém.
Seguirei em frente, irei em busca te tudo que desejo, pois sei que estás comigo e me ajudará a chegar onde quero, juntos vamos conquistar nossos sonhos, porque os sonhos não são mais só meus, são nossos, sempre serão daqui pra frente.
Serei como você, não pararei nunca, por mais difícil que parece, irei, sempre, como você fez, e quando chegar minha hora, irei em paz, sem arrependimentos e sem deixar nenhum sonho sem ser realizado, por você farei isso e muito mais, me tornarei um homem de fato.
Obrigado por todas as vezes que brigou comigo, que me mostrou o melhor caminho, que me aconselhou e que me abraçou, que me fez perceber como ser uma pessoa melhor, seguirei todos os seus ensinamentos.
Mãe, muito obrigado por tudo.
Do seu filho, Lucas Ferreira.

Anúncios

~ por Cervesia em agosto 18, 2013.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: